Sobre o blog:

“A humanização do nascimento não representa um retorno romântico ao passado, nem uma desvalorização da tecnologia. Em vez disso, oferece uma via ecológica e sustentável para o futuro” Ricardo H. Jones

domingo, 6 de novembro de 2011

Vacinar grávidas?


Não entendo a tamanha urgência e necessidade da vacina contra o tétano  nas grávidas.

Sabendo que as mulheres vão parir  dentro de uma instituição que a classe médica defende tanto como o "lugar mais seguro para se ter filhos", qual a necessidade de vacinar grávidas contra o tétano ? Ou o protocolo está completamente atrasado ou higiene e a limpeza dos hospitais não é assim tão evidente :)  

Eu lanço a questão :  como se apanha tétano na gestação ou no parto? 

Não serão  os instrumentos utilizados no hospital devidamente esterilizados? 

Sinceramente não consigo perceber a necessidade de vacinar gravidas, com todas as consequências que podem surgir após uma vacina, não deveria ser uma altura em que se deveria evitar tudo o que possa afectar o bebé? 

4 comentários:

Tânia disse...

Catarina, uma vacina afecta como o bebé? Queria saber pois tenho de levar a vacina em causa no post!

moya disse...

Cat, infelizmente, não é só a do tétano. Há obstetras que insistem na vacina anual da gripe. As grávidas são consideradas no grupo de risco... :(

Maria João disse...

Quando estava grávida coincidiu com a altura em que teria que tomar o reforço da vacina do tétano. Optei por não o fazer, pessoalmente não me pareceu necessário e claro tinha receio que afectasse o meu bebé. O médico de família ainda me perguntou se queria tomar a vacina da gripe A (foi naquela altura do pânico em relação a esta gripe), também não a tomei. Não me arrependo das minhas escolhas, mas cada Mulher deverá decidir em consciência o que é melhor para si e para o seu bebé. :)

Cat disse...

Vou escrever um póst para responder...